Chiquinha Gonzaga

chiquinha-gonzaga

“Costumo dizer que a bagagem musical de Chiquinha Gonzaga é do tamanho da sua vitalidade. Ela viveu 87 anos, sempre trabalhando. Sua obra representa o elo perdido entre a música estrangeira e a nacional. Nenhum outro compositor brasileiro trabalhou com tal intensidade essa transição, já observara Mário de Andrade.”
Edinha Diniz, autora de “Chiquinha Gonzaga, uma história de vida”.